dormakaba
As melhores soluções para o seu negócio. Confira nossos cases de sucesso!

Instituto Moreira Salles

Cidade: São Paulo
Produtos em destaque neste projeto: 30 molas aéreas ITS96, 76 molas aéreas TS72, 93 barras antipânico PHA;
Construtora: alle Engineer;
Arquiteto: ANDRADE MORETTIN ARQUITETOS ASSOCIADOS;
Direitos de Imagem: Bruno Fernandes/ Moreira Salles Institute;
O projeto do novo centro cultural é do escritório Andrade Morettin Arquitetos, vencedor de um concurso realizado no final de 2011. Escolher entre arquitetos e projetos brasileiros foi um caminho natural para o IMS, que tem como propósito apoiar a cultura brasileira.
O IMS Paulista é sustentável em seu conceito, em sua construção e também em seu funcionamento, que beneficia a economia de energia, de água e o conforto térmico e acústico. Além disso, está localizado em um dos quarteirões mais bem servidos de transporte público no Brasil, com 24 linhas de ônibus, apenas na avenida Paulista, duas linhas de metrô (Verde e Amarela) e ciclovia na porta.

Algumas áreas do centro cultural, como a Praça, a biblioteca, o café e o restaurante, aproveitam a iluminação natural sempre que possível e pelo maior tempo possível. Todas as lâmpadas do prédio são de LED (Light Emitter Diode). Elevadores e escadas rolantes têm um sistema que reutiliza sua própria energia, com economia de até 75%.

O centro cultural é todo climatizado conforme um projeto especialmente desenvolvido para seus espaços. O fato de as áreas expositivas serem isoladas permite que a climatização tenha gradações, com zonas de transição que podem usar ventilação natural, como a Praça, por exemplo.

O prédio tem sistema de aquecimento solar para 100% da água usada em cozinha e banheiros. E também água de reúso nas descargas dos banheiros, com captação de água da chuva em dois reservatórios.

Para o combate a incêndios nas áreas expositivas, foi escolhido o Argonite, um gás inerte que extingue o fogo pela remoção física do oxigênio do ambiente. Isso afasta o risco de usar água em locais que abrigam obras de arte. O Argonite não é tóxico e não afeta pessoas e meio ambiente.